Sobre a Cia.

Completando em 2017 seus doze anos de existência e ativa pesquisa teatral e musical na zona norte de São Paulo, a Cia. de Teatro Lusco Fusco é uma organização cultural independente, sediada na cidade de São Paulo, cuja pesquisa teatral se dá através da junção de duas linguagens: música e teatro. Por conta disto, acumula, nos últimos anos, diversas montagens e laboratórios em teatro e teatro musical. O principal objetivo da Cia. é fomentar a arte através da divulgação de montagens teatrais, espetáculos musicais e apresentações performáticas.

É sediada dentro da comunidade do Imirim, zona norte, dentro do espaço da ACENBI (Associação Cultural e Esportiva Nipo-Brasileira do Imirim) que oferece suporte e apoio de infra-estrutura (espaço para ensaios) gratuitamente para a Cia., sendo assim contribuinte essencial, transformando-se, nos últimos anos, em um pólo de cultura na zona norte de São Paulo (atendendo às regiões do Irimim, Santana, Cachoeirinha e adjacências); tão carente de iniciativas como esta. Este é o único apoiador da Cia. até o momento. Durante os últimos doze anos, o financiamento dos projetos se deu por parte dos próprios integrantes, apaixonados por arte e por sua pesquisa teatral.

 

A companhia foi criada em 2005 por um grupo de estudantes colegiais, e oficialmente fundada em 2006. Durante sua existência, acumulou experiências em teatro e música, tendo como origem espetáculos de teatro escolares. Desde o início, teve as portas abertas para adolescentes, jovens e adultos que desejassem integrar uma cia. de teatro, sem qualquer custo financeiro para os integrantes: através de testes e entrevistas, a cia. já abrigou, entre suas montagens, mais de 60 artistas, entre cantores/as, atores/atrizes, bailarinos/as, profissionais ou não, equipe técnica e criativa.

 

Em sua pesquisa, a Cia. realizou, entre 2006 e 2011, cinco laboratórios teatrais (peças produzidas e ensaiadas, mas não finalizadas e apresentadas), com o objetivo de estudo e experimentação, sempre envolvendo as linguagens da música e do teatro e, eventualmente, a dança.

Mas foi em 2012 que a Cia. deu o seu primeiro grande passo rumo à consolidar-se na linguagem que hoje pesquisa, quando escolheu para montar “O Despertar da Primavera”, clássico do teatro com texto original de Frank Wedekind, mas baseado na releitura musical “Spring Awakening”. A peça rendeu duas temporadas, gratuitas: uma em dezembro de 2012, e a outra entre fevereiro e junho de 2013 (sendo que na última, a Cia. rodou pela cidade de São Paulo, visitando CEUs e centros culturais). A escolha de “O Despertar da Primavera” também mudou o tipo de texto e de linguagem cênica que o grupo até então pesquisava.

Parte do elenco de "HAIR", 2014 (foto de Pamy Cris).

De novembro de 2014 a abril de 2015, a Cia. ensaiou o espetáculo “Hedwig Rock Show”, baseado no original “Hedwig And The Angry Inch”, off-Broadway de John Cameron Mitchell. A primeira temporada da peça estreou em maio de 2015 e ficou em cartaz até junho, na sede da Cia.; no Imirim; e em outubro de 2016, retornou aos palcos, desta vez na Praça Roosevelt, centro teatral fervilhante de São Paulo.

Cena de "O Despertar da Primavera", 2012 (foto de Nivas Nascimento).

Seguindo a mesma tendência, em julho de 2013, logo após o término “d’O Despertar”, a Cia. abriu audições para artistas para o musical “HAIR”, baseado no original da Broadway, mas buscando inspirações também na peça brasileira original dos anos 70, e trazendo os questionamentos ao cenário social e político paulistano de 2013/2014. “HAIR” ficou em cartaz entre julho e setembro de 2014, a preços populares.

"Hedwig Rock Show", 2015 (foto de Jess Tomasi).

Desde meados de julho de 2015, a Cia. trabalha na pré-produção (composição musical e argumento) de “Cantos de Coxia e Ribalta”, seu primeiro trabalho 100% autoral, inspirado no teatro narrativo brasileiro, nos personagens-tipos da commedia dell’arte e explorando musicalmente referências diversas de ritmos brasileiros; reconstruindo sua própria linguagem teatral, misturando sua bagagem anterior com os novos horizontes que deseja explorar. Durante os anos de 2016 e 2017, a equipe trabalhou na consolidação da dramaturgia do espetáculo; nos arranjos musicais e vocais das músicas e em experimentações e ensaios que deram origem ao texto final. O espetáculo estreia em 2018.

 

Atualmente, a Cia. é dirigida e coordenada por Gustavo Dittrichi, que também integra o corpo artístico. Assumem as funções de produtores Juju Bac, Gustavo Dittrichi e Marco De Laet. Completam o corpo artístico: Alef Barros, Beatriz Belintani, Carol Silveira, Dario Ricco, Heitor Moretti, Hiago Guirra, Isabella Costa, Joyce Fernandes, Lais Helena, Lucas Zamaia, Rodolfo Mozer e Wellington Adélia, que se dividem entre as tarefas de integrar o elenco, a equipe criativa, a preparação vocal e musical, e a produção de cenografia e figurino. A Cia. conta ainda com os colaboradores Gisele Santos (maquiadora), João Pedro Aldozza (figurinos) e Jessica Dittrichi (cenógrafa).

 

Para saber mais sobre a Cia., acesse o site: www.teatroluscofusco.com

A Produtora Artística

Lusco-Fusco Produções Artísticas é uma produtora artística especializada em prestação de serviços na área de teatro: Teatro-Empresa (eventos empresariais, peças temáticas, sob encomenda, semana de prevenção de acidentes), Teatro-Escola (peças temáticas, com caráter social e educacional),  e Produção e co-produção de espetáculo teatral (Cenografia, Iluminação, Figurinos e indumentária, Maquiagem, Elaboração de projeto cultural, entre outros).

A produtora é derivada da Cia. de Teatro Lusco-Fusco, que existe há mais de 10 anos, produzindo espetáculos teatrais em São Paulo. A Lusco-Fusco Produções Artísticas une a expertise da Companhia no “fazer Teatro” com as habilidades de diversos profissionais - artistas, técnicos, diretores, cenógrafos, iluminadores, produtores, entre outros - que trabalham ou já trabalharam com a Cia., oferecendo a eventos e espetáculos excelência e qualidade na prestação de serviços.

 

Para conhecer mais sobre o trabalho e conhecer o portfólio, visite:

www.luscofuscoproducoes.com